segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

O que toda mulher DEVE saber sobre os HOMENS

“A infância é um milagre e uma catástrofe. Um milagre, porque nela vivemos apenas o inédito, o improvável, o inexplicável - apenas o novo. Uma catástrofe, porque é preciso sair dela e não conseguimos”. (Comte-Sponville, 2009, A vida humana, p.30).

Ao contrário do que diz o autor, o mais comum nos dias atuais é a infância sendo facilmente abandonada, principalmente pelas meninas, que são incentivadas pelos adultos a pular etapas, ou seja, pular a fase da infãncia, não viver as meninices da sua idade, e já ir para a adolescência precoce.

Quem ainda não tem filhos, convive de alguma forma com crianças e vê com os filhos dos outros que de fato esta observação é fato, e foi comprovada por cientistas, que enquanto o amadurecimento no cérebro da menina acontece aos 10 anos, no menino vai acontecer somente aos 20 (Quem quiser ler sobre a pesquisa: Cientistas descobrem porque as mulheres amadurecem antes dos homens )

E enquanto as meninas recebem tanto destaque e atenção desde tão novas, os garotos são mais manhosos, mais dependentes, mais sensíveis, mais apegados... mas daí os garotinhos doces crescem e viram...

Que preconceito se você pensou "viado"!! Desde quando achar que sensibilidade anda paralelo à homossexualidade? Então homem não pode sentir nem chorar?

Não! Não pode.

Por conta do machismo do próprio pai e da sociedade em si, eles se tornam peritos em controlar as emoções. Por este motivo minhas amigas, tenham a certeza que, ao se deparar com a indiferença e a neutralidade do seu parceiro, na verdade, ele está praticando aquilo que lhe foi cobrado desde cedo: de que homem não chora!

Também por este motivo que eles não desperdiçam tempo com DRs (discutindo relação): eles são práticos e preferem dar uma solução imediata ao problema! Já é um bom começo se você não der aquele piti e fazer o jogo dele: deixa pra berrar e quebrar os copos quando você chegar em casa. Agora, se ainda não aprendeu se segurar e não souber lidar com essa nova situação, é preferível engolir um sapo, ir embora, e pedir para conversarem a respeito no outro dia, quando sua cabeça já esfriou... e pensou muito a respeito! Ahhhh, lembrando que esta estratégia é ótima porque eles que acabam ficando ansiosos para fazer as pazes logo. Agora, se o seu parceiro é muito orgulhoso, não fica muito tempo esperando ele vir atrás, assim que colocar sua cabeça no lugar e controlar suas emoções, o procure e resolvam da forma mais adulta! Como foi comprovado por estudos da Universidade da Carolina do Norte que a maioria dos homens são vulneráveis à solidão, melhor não deixá-los à mercê porque tem muita mulher solteira querendo namorar, não é mesmo?

Este mesmo estudo comprovou que por conta da testosterona, homens não lidam bem com ciúmes: enquanto nós temos o ciúmes possessivo, proibindo-os de dar aquela esticadinha no bar após o trabalho, ou relaxar no futebol com os amigos, eles já partem para a violência física se percebem urubus rondando seu território... cá entre nós: esta parte adoramos!

Mas uma coisa é certa: eles confiam mais na gente que nós neles (por que será?) e por este motivo, se houver traição, eles até podem trair mais, mas JAMAIS desconfiarão que já fizemos - ou fazemos - o mesmo.


(OBS: Vejam bem, não estou sendo feminista nem incentivando ninguém a trair, porque a intenção única deste post é compreender melhor o cérebro masculino para que o casal possa vive melhor.)

Daí me perguntaram: "Bom Tati, você explicou que o atraso do amadurecimento do homem é questão de maturação, comprovou que eles não lidam bem com a solidão nem com ciúmes, mas como se comportar com homens modernos, que querem que nós dividamos as contas, quando não pagá-las sozinhas?"

Bem, eu não faço esse tipo tão moderno, e não me importo que me chamem de interesseira por isso, porque sei que não sou, não preciso de nenhum homem para me bancar. Sempre digoe às amigas que, já investimos numa super-produção para eles (manicure, depilação, cabeleireira, roupas e lingeries novas), e ainda ter que dividir uma conta? Então prefiro dividir com as amigas, onde a diversão é garantida!

E para provar que isso não é ser interesseira...


...desde que o mundo é mundo, o homem é o chefe da família e o provedor, e isto está intrínseco no inconsciente coletivo da humanidade. Os garotões até podem ‘apelar’ e nos ofenderem, mas dizem isso porque mal bancam o papel higiênico que usam, ainda moram com os pais e tals... porque quando eles chegam em tenra idade e já estão resolvidos profissional/financeiramente, se um dia negaram, agora fazem questão de honrar com a despesa do jantar, do motel, da casa... nem que seja só para impressionar, afinal, não irão fazer a dama abrir a bolsa para rachar um motelzinho de R$ 100, não é mesmo? 

Antecedendo a primeira lição - e que todo pai deveria ensinar aos seus filhos (porque ensinar a ser bons comedores ensinam): este tipo de comportamento se chama CAVALHEIRISMO, mas nós entendemos - não sei até quando - que muitos ainda são garotões e podem não 'sacar' a jogada.

Claro que num relacionamento a longo prazo, num casamento, nada demais um ou outro pagar a conta, mas o que estudos psicológicos comprovam é que se eles ganham o bastante, nem cogitam ou pensam a respeito… ou seja: antes de chamar uma mulher de interesseira, eles deveriam se assumirem pão-duro primeiro!

E para fechar com chave de ouro - também para sossegar o coração das solteiras - saibam que é um mito que os homens não querem casar: meninas, se eles - assim como muitas de nós - querem ‘aproveitar’ a vida, é porque ainda não encontraram a pessoa certa! Não insistam num relacionamento onde o parceiro deixa bem claro que você é só uma amiga… Claro que muitas relações começam assim, mas o que estou querendo dizer, é para você não entrar de cabeça, okay?

Claro que alguns homens têm problemas com o comprometimento, mas 60% da população masculina não tem e deseja sim constituir família, afinal, não fomos 'fabricados' para ficarmos sozinhos, não é mesmo? Outra prova disso, segundo o site Live Science, é que todos os homens que casaram, até mesmos os garanhões aposentados, hoje se assumem felizes com a escolha feita e com a rotina da vida familiar que vivem! Por isso princesas, quanto menos brigarem com eles, mais prazer e vontade de estar com vocês eles terão…sacaram a jogada???

Engulam quantos sapos, rãs, salamandras, forem necessários para brigarem menos; aprendam a controlar os atos instintivos provocados pelos nossos hormônios... mas principalmente, trepem mais! Eles detestam namoradas/esposas com constantes dores de cabeça (o que mais ouvia das minhas clientes garotas de programa era que a queixa masculina é sempre a mesma: que as esposas nunca estão disponíveis nem dispostas para transar! Depois não reclamem...)

Sei lá se você precisa de terapia, de livros de auto-ajuda, ou de brinquedos para se masturbar para se descobrir e se reinventar, mas sei que muitas de vocês precisam MUDAR: pelo bem de vocês e da relação!

Não sou dona da razão, já me casei duas vezes... mas também já vi histórias como a sua, e posso garantir, elas só se repetem. Não custa colocar o conselho em prática, vocês são cheia disso mesmo, de tirar a prova dos nove de tudo... Só não venham me dizer depois que sou uma convencida por saber que mais uma vez estou certa ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário